Cartografias sob Controvérsia

O próximo encontro da série “Coletivos Controversos”, realizado pelo NUCC/UFRJ, MediaLab/UFRJ e Centro de Estudos Nilton Campos, vai discutir e confrontar diferentes estratégias de uso da cartografia como metodologia para pesquisa em ciências humanas e sociais, bem como para a intervenção sociotécnica e política. As cartografias que vêm sendo realizadas pelos integrantes dessa série de encontros têm duas fontes principais de inspiração: as pistas indicadas por Deleuze & Guattari e aquelas apontadas pela teoria ator-rede. A primeira inspira cartografias de pesquisa-intervenção e cartografias críticas; a segunda inspira cartografias de controvérsias. Neste encontro, discutiremos as interseções, tensões, limites e potencialidades desses ensaios cartográficos.

O encontro acontecerá no dia 10/10, quarta-feira, às 14h30, na sala 2 do Instituto de Psicologia da UFRJ. Av. Pasteur, 250, fundos. 

Bibliografia de referência:

E. Passos.; V. Kastrup.; L. Escóssia (Org.) Pistas do Método da Cartografia. Pesquisa-intervenção e produção de subjetividade. Porto Alegre: Sulina, 2009.

J. Pérez de Lama. La avispa y la orquídea hacen mapa en el seno de un rizoma: Cartografía y máquinas, releyendo a Deleuze y Guattari. Pro-Posições. 2009, vol.20, n.3

T. Venturini (2010) Diving in magma: how to explore controversies with actor-network theory, 258-273. In Public Understanding of Science 19 (3).

______________ (2012) Building on faults: how to represent controversies with digital methods, 796 – 812. In Public Understanding of Science 21 (7).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s